sexta-feira, 19 de junho de 2009

Sexta às nove (2)

sua dose semanal de remédio musical.



O que me chamou atenção nessa canção foi a temática, pouco comum. E interesante que, analisando, é um protesto contra a banalização, não diria do sexo, mas da sensualidade. Coisa que de um tempo pra cá saiu do âmbito do belo e misterioso e enveredou num explícito nada agradável, e no fim, menos excitante. E uma belo golpe na nossa velha companheira hipocrisia.

Aproveite!

letra:

Os pais os pais
Estão preocupados demais
Com medo que seus filhos caiam nas mãos dos narco-marginais!
Ou então na mão dos molestadores sexuais
E no entanto ao mesmo tempo são a favor das liberdades atuais!

Por isso não acham nada demais
Na semi-nudez de todos os carnavais
E na beleza estonteante e tão natural
Da moça que expressa no andar provocante
A força ondulante da sua moral
Amor flutuante acima do bem e do mal

Os pais os pais
Estão preocupados demais
Com medo que seus filhos caiam nas mãos dos narco-marginais!
Ou então na mão dos molestadores sexuais
E no entanto ao mesmo tempo são a favor das liberdades atuais!

Por isso não podem fugir do problema
Maior liberdade ou maior repressão
Dilema central dessa tal de civilização
Aqui no Brasil sob o sol de Ipanema
Na tela do cinema transcendental
Mantem-se a moral por um fio
Um fio dental!

Um comentário:

Andrew disse...

Poxa, ótima escolha, essa música trata de apenas uma,de todas as nossas "vergonhas" brasileiras. e diria até mundiais!

Comentário Rápido